SALA DE IMPRENSA

Notícias
Fale com a Assessoria




< Voltar a página inicial

Coleta Seletiva ganha força em meio à pandemia
Publicado em 4/27/2020

Você está em : SALA DE IMPRENSA | Notícias

O agravamento da pandemia provocada pelo novo Coronavírus alterou, completamente, a rotina de milhares de paulistanos. Com comércio, escolas e muitas empresas fechadas, as pessoas têm ficado mais tempo em suas casas, aumentando assim a geração de resíduo doméstico.


Esse crescimento, no entanto, vem acompanhado de um dado positivo: o aumento no volume de resíduos recicláveis. Desde o mês de março, quando as medidas de isolamento social começaram a valer no Estado de São Paulo, o volume de coleta desses materiais aumentou 14% (dados da Autoridade Municipal de Limpeza Urbana - Amlurb).

Para Francisco de Andrea Vianna, responsável pelo Planejamento e Operação da Loga (Logística Ambiental de São Paulo), o resultado é fruto da nova rotina dos paulistanos nesse período. "Com o confinamento, as pessoas estão mais tempo em casa, com mais tempo e atenção para a separação do lixo reciclável; além disso, nos parece que estão realizando limpezas e organizações em suas residências, disponibilizando materiais recicláveis que estavam guardados, sem uso.  Esse ato, de descartar corretamente latas, plásticos e papéis faz bem a todos, especialmente em um período tão delicado quanto o que estamos vivendo", explica.

Vianna pontua, ainda, que a concessionária, responsável pela coleta, transporte, tratamento e destinação final dos resíduos domiciliares e de saúde da Região Noroeste da capital paulista, ampliou a capacidade de operação de sua Central Mecanizada de Triagem, para receber os resíduos coletados em toda a cidade de São Paulo.


"Estamos somando esforços, com nossos equipamentos operando em capacidade máxima para garantir que boa parte do material reciclado recolhido em toda a capital possa ter a destinação correta, gerando renda e garantindo um meio ambiente mais limpo", conclui. Desde 16 de março, quando a quarentena foi instituída em todo o estado, o volume de resíduos na central aumentou 75%, tratando até 140 toneladas ao dia.


CUIDADOS NA HORA DA SEPARAÇÃO

Apesar do avanço na contaminação pelo novo Coronavírus, Francisco de Andrea Vianna explica que é seguro e muito saudável manter a separação do resíduo doméstico. Mas, para proteger a saúde dos coletores, é necessário realizar essa destinação de maneira correta.

"Os materiais recicláveis devem ser disponibilizados em sacos de lixo com dois terços de sua capacidade, bem amarrados e reforçados com um saco extra, para evitar possíveis contaminações e para que não se rompam. Materiais como luvas ou máscaras não devem ser descartados na coleta seletiva, já que não podem ser reciclados", conclui.


Mais publicações

Loga renova frota de caminhões para coleta
( Publicado em 7/14/2020 )


Loga entrega 800 cestas na ação "Um Gesto de Gratidão"
( Publicado em 7/2/2020 )


Aprenda fazer uma composteira doméstica!
( Publicado em 6/24/2020 )


Descarte de embalagens no consumo via delivery
( Publicado em 6/4/2020 )


Caminhões de coleta domiciliar irão reproduzir avisos sonoros
( Publicado em 4/8/2020 )


Mais publicações...


LOGA Logística Ambiental de São Paulo - Sede e Central de Operações: Av. Marechal Mário Guedes, 221 - Jaguaré - São Paulo/SP - CEP 05348-010 - T: 11 2165.3500

© 2020 | LOGA - Logística Ambiental de São Paulo S/A. Todos os Direitos Reservados
Hospedado por: ExacTI